Sou um caso de muitos fracassos no quesito parar de roer unhas/dedos.

Comecei roendo unhas quando criança, depois adulta mordia os cantinhos dos dedos. Sempre tinha uma desculpa, e na verdade a culpada era (e sempre foi) eu mesma.

Sou ansiosa e isso é um fato.

Mas isso não é desculpa para auto-mutilação.

Parei e voltei a roer muitas vezes, e com isso acabei desenvolvendo a minha fórmula para parar de roer unhas. Vou compartilhar ela com vocês, para caso funcione também. Mas se não funcionar, não desista de procurar a sua fórmula…ela existe!

 

Próximo passo: usar a mesma tática para descobrir algo que me ajude a perder peso. Ou melhor, perder o vício de comer doce.

 

P.s.: não deixe de ler um outro post do Mélanges, escrito por uma consultora, sobre esse assunto.

 

prikuwer